A Dieta dos Pontos

 

Atendendo a pedidos (1 só na verdade), vou contar como anda minha vida na famosa Dieta dos Pontos criada pelo Dr. Alfredo Halpern.

Para não perder muito tempo, segue o TOP 10 do FAQ:

 

 

 

1. É fácil?

Fácil é comer 1 coxinha da Offner. Fazer dieta exige um pouco de Força de Vontade e, no meu caso, um marido bem paciente, porque meu humor vai pras cucuias.

2. Então, quer dizer que é difícil?

Difícil é fazer aquelas dietas que tiram carboidratos, gorduras, doces, álcool e, consequentemente, sua vontade de viver. Na Dieta dos Pontos pode tudo, mas você vai aprender a se controlar.

3. #Comofas?

Se você nasceu sob a Maldição do Sexo Femino, pode comer até 300 pontos por dia. Se você tem um Y na sua composição biológica, pode comer 400 pontos por dia. (Geralmente, mulheres gastam menos calorias ao longo do dia e demoram mais para emagrecer. Pela própria constituição física, hormônios, enfim, como eu disse: Maldição)

Para saber quantos pontos vale a vida, CONFIRA A TABELA da Dieta dos Pontos. Você vai perceber que a felicidade plena tem mais ou menos uns 1.000 pontos.

4. Dá pra ser feliz com 300 pontos por dia?

Gente, a felicidade plena não existe, tá? Era mentira. Mas, enfim… Dá pra aguentar, sim. No começo você gasta mais do que precisa durante o dia e tem que dormir com uma salada verde no estômago pra não estourar sua cota de pontos. Mas logo você aprende a equilibrar as refeições sem sofrer muito. Fome você não passa. Vontade é outra coisa.

5. E quando arrebenta a boca dos 300 pontos?

Compense no dia seguinte ou ao longo da semana. Por exemplo: você estourou 50 pontos hoje, tire 50 amanhã. Ou tire 10 ao longo de 5 dias.

6. E os alimentos que não tem na tabela?

Veja no rótulo quantas calorias o produto tem por porção e divida por 3,6. O resultado é o valor em pontos. (Não vale roubar! Arredonde para cima)

7. O que mais tem que fazer?

Se afogar em copo água, caminhar feito uma retirante e descontar 15 ponos de cada refeição (almoço e jantar) por conta do óleo pra fazer a comida.

8. Quanto eu vou emagrecer por semana?

Um minuto só que eu vou consultar o Tarô e já te falo.

9. E se eu não emagrecer?

Ou você está fazendo errado ou tem mais dificuldade para emagrecer e precisa de ajuda. No caso, procure um médico, tá? Endocrinologista! E tente evitar aqueles assassinos que entopem você de fórmulas desnecessárias.

10. Mais alguma dica?

Anote TUDO o que você come durante o dia e marque os pontos. Sem anotar, você não vai fazer direito. A ideia desta dieta é fazer o nosso espírito de gordo entender que NÓS é que precisamos controlar a comida e não ao contrário.

Dúvidas? Sugestões? Urticárias? Mande sua pergunta que a gorda responde.

Publicado em Momento Gordelícia | Marcado com , , , , , , , , , | Deixe um comentário

É pra comer ou pra salvar?

Fritas e cocacola.zip para acompanhar?

 

 

 

 

 

 

Drive Brasil: para arquivar as discussões do Senado.

 

 

 

 

 

 

Trans-Drive. Capacidade para 8 Giga de Colesterol:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Camarão Frito-Drive. Vem com Chopp, Pagode-Drive e areia:

 

 

 

 

 

 

 

 

Pen-Coxinha. Porque mal-gosto não precisa ter limites:

 

 

 

 

 

 

Em dias de TPM, prefira um Chocolate-Drive:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Donut-Drive. O preferido dos policiais americanos (Por favor, vocês podem fazer a gentileza de não explicar pra mim que nós também somos americanos e aquela coisa toda? Agradecida)

 

 

 

 

 

 

 

 

Cupcake-Drives. Não são lindinhos? :)

 

 

                                                                                                                                                                                 

Pie-Drive. (Será que vem com a receita dessa torta? Aposto que  é pão-de-ló recheado com creme de coco e framboesa).  :P

                                                                                                                                                         Rodízio-Drive. Sashimi e Sushi de Lula não estão incluídos.

 

 

 

 

 

 

 

Para quem está em processo de compressão: Alface-Drive. Zip Yourself.

Publicado em Fat Cult | Marcado com , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Brincando com Comida

Sabe quando a mãe diz: “Filho, não brinca com a comida.”?  O Terry Border é um cara que ignorou este conselho.  Eu sei que os ratinhos de web já conhecem o trabalho dele, mas na minha cozinha também tem rato de rua. Então, seguem aí algumas peças ótimas:

CSI Pasta:

Sex and the Banana City:

 Trauma de infância?

Vô, não sai do banho sem toalha que o senhor fica gripadinho, tá?

Atenção vizinhança gente fina: ao levar seu dog para passear, lembre-se do jornalzinho para catar pupu!

Eu disse que a mina não valia nada. Só porque era docinha você acreditou.

 A Terceira Idade da Uva.

Zoombérculos.

PS.:  O Terry Border não brinca só com comida. Ele trabalha com objetos cotidianos em geral. O projeto dele chama-se Bent Objects e vale a pena ver mais AQUI. ;)

Publicado em Fat Cult | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

O que aconteceu com a propaganda no Brasil, hein pessoal?

Há algum tempo ouvi meus amigos publicitários falando em “Propaganda com Conteúdo”. Perguntei o que era e a resposta foi: “Se você oferecer conteúdo interessante para os seus consumidores, eles mantém contato com a sua marca e lembram mais dela”.

Hoje, perambulando pelo blog Cansei de Miojo, dei de cara com um comercial de cerveja. Cliquei, vi até o fim e como uma boa consumidora de cerveja, A-DO-REI! É de uma cerveja chamada Carlton Draught. Assim que terminei de ver, lembrei daquele papo de “Propaganda com Conteúdo” e confesso que fiquei meio confusa. Deixo aqui a pergunta para quem é da área e entende:

Propaganda boa, que faz o consumidor parar para ver, também não é “conteúdo interessante”? Essa daí, por exemplo, é daquelas que eu e minha família gostávamos de ver no intervalo da novela, sabe? E eu não sei o que aconteceu no Brasil, mas hoje a hora do intervalo só presta pra fazer xixi, zapear enlouquecidamente e ver o que rola de interessante nos TT do Twitter.

Deixo aqui o comercial de cerveja que eu adorei. Divirtam-se!

Publicado em Fat Cult | Marcado com , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Top 10 motivos pela decadência do Carrefour

1. Porque o mercado é sujo.

2. Porque não tem variedade.

3. Porque é sujo.

4. Porque o pouco de variedade que tem eles deixam acabar.

5. Porque é sujo.

6. Porque os caixas  estão eternamente em treinamento, gerando filas gigantescas a qualquer hora do dia ou da noite.

7. Porque as frutas e legumes estão sempre verdes OU passadas.

8. Porque as prateleiras são cheias de produtos vencidos ou prestes a vencer.

9. Porque é sujo.

10. Porque os preços não são bons o suficiente pra você aguentar estas coisas todas.

Carrefour, amigo de tantos anos no Brasil: uma empresa que trabalha com ALIMENTOS pode ser tudo, menos suja. Quando você anda por um mercado e seu sapato cola no piso, a impressão sobe do pé para a cabeça com um aviso de neón piscando: AI QUE NOJO!

Publicado em Momento Mau-Humor | Marcado com , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Top 10 Games com Comida

Além de ser uma típica #Gordinha Safada sofrendo para perder peso, eu sou viciada em Casual Games.  E como uma gorda que se preze não nega a gula em lugar algum, tenho vários jogos relacionados a comida.

Não são jogos difíceis, mas são viciantes. E mesmo que você não goste tanto assim de jogar, nem de comer, pode gostar de esvaziar a cabeça com um bom Casual Game. Não é preciso prática, habilidade, nem dedicação. É por isto que eles chamam “Jogos Casuais”.

1. Burguer Rush 

Sabe aquele famoso Bejeweled onde você muda as jóias de lugar para juntar 3 iguais e eliminar da tela? O Burguer Rush é  o mesmo tipo de jogo (chama-se Match 3 ou Combine 3).  

A diferença é que no Burguer Ruch você tem que juntar ingredientes para fazer os sanduíches pedidos pelos clientes.

 

Vendendo sandubas você  junta dinheiro para comprar novas receitas, truques para melhorar o seu “Serviço de Chef”  e novos restaurantes. Clique aqui e jogue grátis.

Se gostar, tente também Restaurant Rush que é a continuação deste jogo (alguns Casual Games fazem tanto sucesso que ganham continuação - que nem filme)

2. Gourmania

Este é um jogo do tipo “Hidden Objects” ou “Procura de Objetos”. Os clientes fazem os pedidos e você tem que procurar os ingredientes no cenário. Encontrou um ingrediente, clique! Assim você vai completando as receitas e entregando os pedidos.

Você começa com uma lanchonete. Com o dinheiro que vai ganhando compra novos equipamentos e estabelecimentos com receitas mais sofisticadas. Clique aqui para baixar e jogar grátis por 1 hora. Se gostar, experimente o Gourmania 2.

3. Delicious Emily´s Tea Garden

Jogo do tipo “Time Managemente” ou “Gerenciamento de Tempo”. 

Você joga com a personagem Emily, que trabalha em vários restaurantes diferentes ao longo do jogo. Ela atende clientes, prepara os pedidos, entrega e limpa as mesas.

Com o dinheiro que ela ganha você vai dando um tapa no visual dos restaurantes.

Clique aqui para jogar grátis. Se gostar, procure pelos outros jogos da Emily.  São vários no mesmo esquema. 

 4. 2 Tasty

Mais um jogo do tipo “Hidden Objects”. Os clientes pedem e você procura pelos ingredientes para completar os pratos. Ao longo do jogo você vai subindo na sua carreira de Chef e trabalhando em vários restaurantes diferentes. Clique aqui para fazer download grátis e jogar por 1 hora.

 5. Cooking Quest

Este jogo mistura Procura de Objetos com Gerenciamento de Tempo. Primeiro você procura por uma série de ingredientes e objetos, depois tem que preparar os cardápios dos restaurantes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para este post não virar uma tripa gigantesca, seguem aqui, resumidamente, mais 5 indicações de jogos com comida, todos no mesmo estilo Casual que não requer prática nem habilidade (Se bobear, nem cérebro exige, o que é uma grande vantagem no final de um dia de trabalho). Have fun!

6. Go-Go Gourmet (Clique para baixar e jogar grátis por 1 hora). Se gostar, experimente também Go-Go Gourmet: Chef of the Year

7. Burguer Island 

8. Burguer Shop

9.  Youda Sushi Chef

10. Cake Mania (Neste link tem 6 versões deste jogo)

Publicado em Fat Cult | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Top 5 dicas para você ser uma pessoa Politicamente Correta

E o mundo anda se perguntando: Como posso ser um cidadão Politicamente Correto, afinal de contas? Dúvidas abundam!  Inclusive porque política no Brasil costuma ser sinônimo de  sacanagem e dinheiro na cueca, o que complica um pouco o perfeito compreendimento do termo Politicamente Correto.

Na tentativa de ajudar os nobres colegas ansiosos por tornarem-se cidadãos socialmente higiênicos, segue um guia com algumas dicas cotidianas. Leia, compartilhe, pratique! Conforme explicam os mais respeitáveis deputados e meios de comunicação, é assim que você ajuda a construir um mundo melhor.

1. Não fume em locais proibidos!

Em locais não-permitidos o fumo é uma droga pesada que causa dependência química e psíquica, câncer, Enfisema Pulmonar, complicações cardíacas e sérios problemas de circulação. Nos locais permitidos, fume à vontade. Afinal de contas, os cigarros estão à venda para serem consumidos mesmo.

2. Diga não ao racismo!

Corte antigos hábitos racistas do seu vocabulário. Ao invés de dizer Preto-Véio, por exemplo, diga Afro-Descendente da melhor Idade. Da mesma forma, ao invés de dizer que “O futuro é negro”, diga: “O futuro é escurinho”. E nunca – eu disse NUNCA – use o termo negão! Caso você tenha em casa algum episódio de Os Trapalhões com particiapção do Mussum, é aconselhável jogar no lixo. Assim as novas gerações não aprendem a usar este termo que sempre foi tão ofensivo no Brasil. (O hit Axé  “Sou negão” também deve ser evitado).

3. Compre produtos de empresas que fazem comerciais falando de como o Meio Ambiente é legal ou de como o aquecimento global é uma merda!

Para acertar em cheio nas escolhas, basta prestar atenção nos comerciais e procurar pelas palavras: meio-ambiente, sustentável, sustentabilidade, reciclável, verde, planeta ou preservação. Água caindo, plantas e músicas com corais supostamente aborígenes também são um bom sinal – mesmo que o comercial seja de um monstro 4X4 movido a Diesel ou de um monstro 4X4 que ocupa espaço de 3 carros no trânsito de cidades superlotadas como São Paulo. Não importa! O importante mesmo é a boa-intenção da empresa.

4.  Não deixe as crianças acessarem a internet.

Afinal de conmtas na internet tem pornografia, pedofilia, traição, notícia escabrosa e muita malandragem. É muito diferente do mundo real e da TV, onde nada disso existe.

5. Finalmente: Proteja os animais!


Você, que é um adulto consciente, não ensine mais para seus filhos aquele hit irresponsável “Atirei o Pau no Gato”. É um incentivo à violência contra animais indefesos. Perceba a letra:  “Atirei o pau no gato, MAS o gato não morreu!” – É violência com intenção de morte! O que significaria, em termos legais: Tentativa de Assassinato. Um crime Doloso, percebem? Um ABSURDO! Não duvido nada que o mundo esteja assim por causa de músicas como esta.

É isso aí, pessoal. Espero desta forma ter colaborado para um mundo mais justo e limpinho. Ah, e não esqueçam: jamais usem palavrão! Isto realmente vai mudar o mundo!

Em caso de dúvidas sobre outros comportamentos socialmente higiênicos, consultem o hipócrita mais perto de você.

Publicado em Momento Mau-Humor | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

Top 10 coisas que homens e mulheres deveriam saber sobre o trânsito

ATENÇÃO, HOMENS:

1. Em linguagem de trânsito, quando um sinal fica amarelo isto significa ATENÇÃO e não ACELERE.  Todo mundo acredita que você já sabe disso, ok? Incluindo os pedestres. 

2. Buzinar enfurecidamente não faz o carro da frente levitar. Lembre-se disso na hora do rush ou faça um favor à sua cidade e prefira o metrô.

3. Se o uso de seta fosse opcional, ela seria vendida como acessório. USE A MERDA DA SETA!

4. Na hora do Rush, sabe aquela impressão de que a fila do lado está mais rápida? É só impressão.  Evite perturbar ainda mais o trânsito mudando de fila feito um bêbado.

5. Quando aquela luzinha vermelha no carro da frente acender, isto signifca que ele PAROU. Sempre! Não precisa esperar para ter certeza e meter o pé no freio só há 2 centímetros do outro veículo.  Isso dá ânsia de vômito no passageiro ao seu lado.

6. Quando as pessoas param no sinal, costumam manter o carro em Ponto Morto. Quando o sinal ficar verde, antes de meter a mão na buzina, aguarde 3 segundos pelo menos (é o tempo médio para o engate da primeira marcha).

7. Parar para perguntar não é humilhação. Antes de rodar metade da cidade jogando gasolina fora, pare em um posto e peça ajuda! Ninguém vai achar que você é um fraco por causa disso.

8.  Não corte os outros carros bruscamente só porque você quer andar mais rápido no meio do trânsito. Se não for em respeito aos outros, faça isto em respeito à sua mãe, que é muito lembrada nestes momentos. 

9. Se você  não consegue deixar de correr pela cidade feito um idiota , compre um game ou clique no próximo anúncio de ENLARGE YOUR PENIS para resolver seu problema real. Pelo menos assim você não mata ninguém.

10. Não, seu carro não deixa você maisbonito. Isto é mentira da propaganda.

ATENÇÃO, MULHERES:

1. Quando você for colocar a sua bolsa no banco do passageiro, não precisa girar o volante junto, ok?

2. Antes de comprar um carro enorme, pratique a Noção de Espaço.

3. Parar em fila dupla não é solução de trânsito. É solução individual. Pare o carro um pouco antes da escola e permita que seu filho ande um quarteirão ou dois. Ele aguenta, pode acreditar!

4. Quando abrir o sinal, andar com o carro NÃO É opcional.

5. Sabe este 4X4 gigantesco que você tem? Ele foi feito para andar em solos bem radicais, com buracos enormes e pedras. Não precisa parar para passar com ele por aquelas valas ridículas entre uma rua e outra.

6. Ainda sobre o seu 4X4 gigantesco: SIM, ele cabe em uma faixa só. Observe seus companheiros na rua.

7. Sabe quando você entra em uma rua à sua esquerda ou direita?  Não precisa parar o carro antes de entrar. Sério! Basta diminuir a velocidade e virar o volante que dá tudo certo.

8. O espelho retrovisor interno do seu carro não foi criado para facilitar a maquiagem. Use também ao mudar de faixa ou quando der uma ré.

9. É possível conversar e dirigir olhando para a frente ao mesmo tempo. Tente! Você vai ver como é fácil.

10. Não, o carro do seu namorado não deixa você mais gostosa. Isto é mentira do comercial.

Publicado em Gordelírios | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

O trabalho dignifica o homem?

Tadinho do São Mateus! Quando ele falou esta frase a Terra nem era redonda ainda. Os Estados Unidos não eram estados – muito menos unidos - a Xuxa ainda não tinha batido no primeiro pimpolho e Jesus Cristo era só um rebelde cabeludo.

Antes de colocar a culpa em São Mateus, no entanto, é bom saber que junto com esta frase também vieram Leis (com L maiúsculo) que exigiam respeito, salário justo e reconhecimento para os trabalhadores.  

Ah, Mateus! Eu sei que você tentou. Mas se estas Leis já não eram respeitadas com a supervisão do CEO do Universo em Pessoa, imagine agora que o capeta está no cargo.

O trabalho dignifica o homem? Que homem? O dono da empresa, né? Porque a grande maioria das pessoas que eu conheço precisa mesmo é perder a dignididade para conseguir um salário no final do mês.

A única coisa que devolveria a dignidade destas pessoas seria sabe o que? O prêmio máximo da Megasena. Pelo menos assim elas poderiam mandar chefes e clientes idiotas pro inferno em alto estilo.

 Com todo respeito a São Mateus e ao CEO do Universo, deixo aqui uma nova sugestão de “slogan” para o ganha-pão dos humanos: “O trabalho dignifica as empresas”. Melhor, não é mesmo? Mais perto da realidade.

Publicado em Momento Mau-Humor | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

O efeito do celular na vida da gente

Com o evento do celular a vida das pessoas realmente mudou. Não posso negar. Ainda mais eu que só tive meu primeiro celular aos 30 anos e senti as diferenças na pele.

Muitas coisas podem ser ditas sobre esta vida nova com celular. Mas o principal mesmo é que as pessoas ficaram muito mais próximas, mais conectadas, mais produtivas e muito, mas MUITO mais neuróticas.

Antes do celular, por exemplo, quando você ligava duas vezes seguidas e ninguém atendia, as conclusões eram bem simples, variando entre 2 suposições básicas: 1. Não está! – 2 . Deve estar no banho! – Na pior das hipóteses, você poderia imaginar que a pessoa estava fazendo coco.

Hoje, se você liga para um celular duas vezes seguidas e não atendem, as conclusões são bem mais variadas, dependendo da ocasião e do relacionamento entre as duas partes. Por exemplo:

Caso 1 – Celular e o cara que você pegou

Você fica com um cara no sábado a noite. Liga na segunda e ele não atende. Liga de novo e nada. Conclusões mais freqüentes:

1. Ele não quer falar comigo.

2. Ele tem outra e não pode atender na frente dela.

3. Ele está fugindo.

Caso 2 – O celular e as mães

A mãe liga para o filho do trabalho e ninguém atende, ou só cai na caixa postal. Conclusões mais freqüentes:

1. Seqüestro relâmpago.

2. Assalto.

3. Incêndio, explosão de gás na cozinha ou qualquer outro acidente doméstico (contanto que seja grave).

Caso 3 – Celular e os namorados

Você liga para ele (ou para ela) na quinta a noite. Liga, liga, liga e só cai na caixa postal. Conclusões mais freqüentes:

1. Tá no buteco e não chamou.

2. Tá na balada e não chamou.

3. Tá no motel! (É.. Não ia chamar mesmo)

Caso 4 – Celular e o chefe

O chefe liga  três vezes e o peão não atende. Conclusões mais freqüentes do chefe:

1. Sabe que sou eu e não quer atender.

2. Está fazendo pouco caso do projeto em andamento.

3. Está em alguma entrevista.

Além de incentivar a imaginação popular, o celular também trouxe uma nova sensação na vida das pessoas: o Efeito Onipresença.

Efeito Onipresença consiste na suposição de que todas as pessoas estão SEMPRE prontas para atender o telefone. Se você não atender, vão insitir quatrocentas mil, quinhentas e noventa e sete vezes, até que você fique desesperado achando que alguém morreu e saia do banheiro com as calças no pé e a bunda suja.

O Efeito Onipresença, por sua vez, acabou com o Senso de Noção do ser-humano que passou a ignorar completamente o Fuso Horário de Brasília e os Direitos Trabalhistas, ligando para você a qualquer hora do dia ou da noite como se fosse a coisa mais normal do mundo.

Por exemplo: na quinta-feira de madrugada (para saber onde você está que não atende) ou no seu horário de almoço (para falar sobre o projeto em andamento).

Baseada nestes e em outros efeitos do celular na vida das pessoas, chego à conclusão de que a tecnologia móvel é responsável por grandes contribuições para: comunicação,  paranóia, para a insônia e também para as disfunções intestinais, já que ninguém mais consegue comer nem fazer coco em paz.

Publicado em Momento Mau-Humor | Marcado com , , , , , , , | 2 Comentários